Mata de São João irá se tornar uma Cidade Empreendedora
Home » Administração e Finanças » Mata de São João irá se tornar uma Cidade Empreendedora
28 de junho de 2018, 10:57

Mata de São João irá se tornar uma Cidade Empreendedora

Na manhã da última quarta-feira (27), o Prefeito Marcelo Oliveira assinou o termo de adesão ao Programa Cidade Empreendedora, desenvolvido pelo Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. O Programa contempla quarenta municípios baianos.

A Cidade Empreendedora propõe a melhoria do ambiente de negócios, por meio de políticas públicas e ações que fomentem o desenvolvimento dos pequenos negócios e para isso, foi eleito durante o encontro um Comitê Gestor para implantar o plano no município. Com isso, será possível traçar um diagnóstico apontando as necessidades de Mata de São João e os eixos de atuação do programa.

A iniciativa contempla cinco eixos, entre eles o “Educação Empreendedora”, que vai atuar dentro das salas de aula e tem previsão para iniciar em agosto deste ano e vai abranger uma média de 8 mil alunos. “Trabalhar o espírito empreendedor nas escolas é fundamental para formar futuros empreendedores”, pontuou a consultora Sezethe Araújo. Serão quatro meses de ação nas escolas e a culminância será uma grande Feira do Empreendedor.

Para o Prefeito Marcelo Oliveira, empreender é uma forma de fazer a cidade avançar e driblar a crise do país. “Nós vamos engendrar todos os esforços para o Programa acontecer. Precisamos desburocratizar e aproximar o empresário das compras públicas, esta é uma forma de manter as riquezas aqui na cidade, criando possibilidades reais de desenvolvimento”, finalizou.

De acordo com o Assessor Técnico do Gabinete, Wellington Lázaro, a gestão pública tem feito um grande esforço para fortalecer os micro-empreendedores e as microempresas, “já temos aqui na Prefeitura uma sala do empreendedor, que é um ambiente facilitador, uma porta de entrada e saída que visa dar melhores condições às as empresas o que resulta no desenvolvimento do município. A cidade agora passará a contar com os técnicos e com a rede de consultores do Sebrae que vão atuar juntamente com os gestores municipais e negócios locais.